quinta-feira, 11 de outubro de 2012

E O QUE É QUE A BAHIA TEM?? voltamos!

Eba! Pessoal,comunicamos que voltamos com as atividades normais do blog após uns dias "fechado",afinal férias são necessárias as vezes..rs.Vou tentando por a "casa em ordem" aos poucos e já estou respondendo os emails e pendências,ok galera?

Post passado falei da viagem a Salvador e fiquei de mostrar pra vocês o resultado do desafio.Passei 3 dias e achei que deu pra passear bastante nesses dias.Fiquei hospedada na Barra( depois farei um post especifico sobre isso),fiz alguns dos passeios clássicos,claro: Pelourinho,Farol da Barra,Mercado Modelo,Igreja do Bonfim,etc. e fiz um outro mais "desconhecido",digamos assim...e pra variar foi o que mais me agradou!
Fui sozinha,porém não perdi o foco: crianças,crianças e crianças...e ai,o que elas gostariam em Salvador?
Sem a opinião de fato de uma ao meu lado,tive que ir tentando imaginar a situação: deslocamento,acesso aos banheiros,comida e segurança..coisas básicas que quem tá passeando com criança preza.No fim da série de posts sobre essa trip,eu faço o balanço das finanças! ;)

Farol da Barra e o mar mais lindo que já vi!
Peço licença aqui aos meus amigos e amigas baianos que não levem para o pessoal de forma alguma por um ou outro comentário negativo,mas preciso dar a minha opinião sobre o que vi nesses dias -afinal essa é a função do blog- e sinceridade será necessário,claro.

Lembrando sempre que esse post relata minhas impressões pessoais baseadas na minha experiência e jamais devem ser tomadas como algo generalizado

Salvador é uma cidade linda,o mar tem uma cor incrível que nunca tinha visto- e olha que moro no Nordeste - e sem duvida com uma historia e uma cultura  riquíssimas  Alguns locais me cativaram de verdade. Porém ao meu ver tudo isso poderia ser mais cuidado,trabalhado e conservado.A cidade tem sim muito potencial,pena que é "judiada". Separei por tópicos,para ficar mais simples e prático de entender:

*Vamos ao primeiro quesito: Dinheiro.
Os principais pontos turísticos são gratuitos,então nesse quesito o ponto é positivo.Os únicos locais que paguei para ter acesso foi na Fundação Casa de Jorge Amado( 3,00) e no Elevador Lacerda,que não chega a ser um ponto turístico, mas é bem util e acaba sendo inevitável,e que custou 0,15 centavos.
Como toda cidade turística,tudo referente a comida nas imediações de pontos conhecidos sai mais caro que o normal.Almocei no restaurante do Mercado Modelo e tive uma  experiência desagradável: atendimento péssimo,comida sem gracinha e cara. Coisas da vida e de que nenhum viajante escapa. Nada alarmante! Lógico que existem diversas opções para se comer nas imediações,e de preços variados.Escolhi o Mercado por ser mais prático,afinal já estava lá dentro e a vista do restaurante é bem bonita.
Lá sem dúvida é o melhor local para se comprar lembrancinhas baianas baratas, ítens que aos arredores do Pelourinho costumam ser bem mais caros.Comprei desde quadrinhos,chaveiros,as inevitáveis fitinhas do Senhor do Bonfim( no Pelourinho e na Igreja o céu é o limite e elas custam até 3,00.No Mercado comprei 20 unidades por esse preço,só pra você sentir o drama!rs) e até cocadas.Não gastei mais do que 30,00 lá. Bom! :)
"Andar com fé eu vou,que a fé não costuma faiá.."( eu tive que amarrar minhas fitas,né?)

No Pelourinho achei legal passear sem pressa nas ruas estreitas,cheias de cores.Vez ou outra sai de alguma loja uma baiana simpática tirando foto com todos- e gratuitamente! E sem chateação, sem reclamações! Adorei!
Andei 90% do tempo de ônibus,ao custo de 2,80 por pessoa e algumas vezes de taxi( achei preço normal,nada que fuja da realidade).

*Alguns pontos negativos: Já tinha sido alertada pra isso: em todo lugar tem "figuras típicas baianas" e que são bem insistentes e inconvenientes!! Chega a ser  constrangedor:eles são insistentes e grosseiros.Não sei se tive azar,mas tive minha máquina praticamente quase arrancada das mãos de um deles,que aos berros exigia que eu o pagasse porque fotografei em sua direção...vendedores ambulantes te cercam de maneira constrangedora,amarram colares no seu pescoço,pulso,cabeça,te puxam pela mão e te cobram o olho da cara,e quando você fala que não quer, é esculachado aos berros de mal educado e de que "Não está valorizando a cultura local". O que ao meu ver uma coisa não tem nada a ver com a outra. E casos como esse aconteceram comigo os 3 dias.E várias vezes.E em vários locais da cidade. Chato. :/
No Farol da Barra também fui abordada por um capoeirista que se metia em todas as fotos,abraçando,pedindo dinheiro e se negava se retirar do meio da foto..depois enfim saiu de perto,também aos gritos  eme xingando porque eu não tirei foto com ele! Foi o único local que vi uma viatura policial.Conversei com muitas pessoas da cidade,todas relataram estar insatisfeitas com a segurança da capital baiana..Mais uma vez repito: a linda Bahia não merece isso! :(
Saldo final: se estivesse com meu filho,me sentiria mais segura em um grupo de excursão do que andando por conta própria,sem sombra de dúvida.
Voar!!
*Atrações: Não consegui achar nada destinado as crianças,infelizmente.Mas tudo na vida é adaptável! Meu roteiro foi curto,e "criancisticamente" falando,acho que o mais legal pra elas( e pra mim também) foram as duas coisas mais legais da viagem:  Solar do Unhão e a Ilha de Itaparica.O Solar me encantou,e recomendo sem medo algum! E Itaparica tem um mar que é impossível  criança nenhuma no mundo não amar!!!Embora tenha que dizer que lá teve uma situação inusitada.( lembram que seeeempre acontece algo comigo?pois é!) "Guenta aê" que próximo post eu conto detalhes do passeio a esses dois lugares que eu adorei!!
Aguardem a continuação... :)

Links de hoje:  
Fundação Casa de Jorge Amado
Mercado Modelo
Guia completo de Salvador

14 comentários:

Paty Michele disse...

Ana, eu como baiana, residente em Salvador, fico triste com o que vc passou e sei que é verdade. A cidade está maltratada, abandonada. Estamos "sem prefeito". O cara surtou e abandonou Salvador.
é uma pena que não pudemos conversar e que eu estava viajando qdo vc veio, pq eu teria lhe dado algumas dicas. Na verdade o ideal é fugir dos locais turísticos, ou visitá-los com pessoas conhecidas, daqui mesmo.
Tem mto lugar legal pra ir, mas como baiano (de coração) e não turistando, pq mtas dessas pessoas não são habilitadas pra trabalhar, mas como não há fiscalização, qq um se acha no direito de vender até a própria imagem.

Um abraço, querida, suas fotos estão lindas!

Nana (A Louca do Bebê) disse...

Não se preocupe, nós baianos, não nos ofenderemos. Temos consciêncis (e vergonha) da cidade estar lançada às traças. Tivemos oito anos de uma administração desastrosa!
Mas espero que você tenha sentido um pouco da essência da cidade. Amo essa terra, e concordo que ela não merece isso. Tenho esperanças de que a nossa estrutura ainda fará jus à história e às pessoas que moram aqui. Espero que retornem junto com os bons tempos. :)

Sandra Portugal disse...

Hei Ana vc colocou a sua fitinha ao lado da minha??? Em julho estive em Salvador e fui ao Bonfim! Tenho grandes amigos na cidade.
Que bom que você retornou a ativa no blog!

Hoje estou muito feliz e vim compartilhar uma boa notícia!
Projetando Pessoas ficou nos TOP 100 finalistas do Prêmio TOP Blog!!!
Agora começou o 2o. Turno e dependo do voto das amigas para ganhar esse prêmio em sua Edição de 2012! Venha me visitar, clique no ìcone no Prêmio (no canto superior direito do blog) e vote com todos os seus emails, pelo facebook e twitter!
Agradeço muito seu incentivo até aqui!
bjs Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com.br//

Mãe ComCiência disse...

É uma pena que a sua experiência na Bahia não tenha sido das melhores. De fato Salvador e outras cidades na Bahia tem sofrido com más administrações, mas como vc mesma nos lembra "a fé não costuma faiá". Quem sabe na próxima você não vem a Ilhéus e se anima mais... convite feito... rsrs.Bjs

Nine disse...

Oi, Ana! Já estive em Salvador duas vezes, como turista, e quase morei lá, hehe. De tudo o mais chato são mesmo essas pessoas que insistem, insistem, insistem e se vc não leva saem gritando horrores. Eu amo o Pelourinho e o Mercado, mas é muito chato querer passear e ter que ficar pedindo para a pessoa não ficar na foto (pq depois ela vai querer dinheiro), ou correr da baiana com as fitinhas ou escapulir do cara dos colares de semente de coco por R$30,00, cara, é muito chato e desagradável. Por sorte a Bahia é encantadora e o povo bahiano do bem também, então vou voltar sempre que possível.
beijos,
Nine

V@léria S@ndry mamãe de Gustavo e Gabriela disse...

Que pena amiga, eu gostaria tanto de visitar Salvador, pena que a cidade festeira esteja nessa situação... saudades de vc, não some não.
Bjinhus

Danielle Cardão disse...

Oi, Ana adorei seu post e não conheço a Bahia, mas confesso que fiquei um pouco com medo principalmente no quesito segurança. Mas tô anisosa pra saber mais.

Bjssssssssssssssss, Dani Cardão.

Iolanda Lopes disse...

Sou baiana, Salvador é uma cidade linda, mas os problemas estão aí, fica o alerta, afinal tudo pode melhorar. Vamos torcer para que assim seja.
Conta tudo com detalhes, fiquei cusiosa com os lugares que gostou.
bju

http://verdadesdemae.blogspot.com
http://feitocomcarinhodemae.blogspot.com

Juliana Frida disse...

Olá! Adorei o blog! Muito bom o post, adorei as dicas e com certeza todas serão muito úteis, pois sou mãe de primeira viagem e no feriado de novembro meu pequeno irá à praia pela primeira vez!! Comprei pela internet no site da Tricae um caminhãozinho pra ele brincar (tricae.com.br) Vcs acham o suficiente para que ele se divirta ou preciso de mais algum brinquedo para levar? Tenho medo que ele acabe ficando entediado! Parabéns pelo blog, continuem postando sempre ótimas coisas!! Beijo

Os caminhantes disse...

Oi Ana!
Senti sua falta na blogsfera, mas sem dúvida, férias são necessárias e é bom a gente ficar um pouco "desplugada" mesmo.
Puxa, sempre tive vontade de conhecer Salvador, comento que nas duas vezes que passamos pela cidade, conhecemos... o aeroporto e a rodoviária, nas duas vezes no translado para a Chapada Diamantina.Sei que não dá para generalizar, moramos numa cidade altamente violenta também (São Paulo, sabe né?),como qualquer outra metrópole do mundo, mas te digo que nos principais pontos turísticos o policiamento é intenso, o que não impede que andemos com bastante cautelas e com "olhos atrás da nuca" e bolsas apra a frente.Isso também nos coloca a refletir que a "globalização" leva a extensões de conduta não só para o bem, mas para a parte ruim também...
Um grande beijo!
Marcia

Mamãe pela 2ª vez disse...

Moro em Aracaju Bahia é aqui do lado ainda não a conheci, o máximo que fomos foi a Lauro de freitas numa praia chamada Buraco da véia, uma delícia amamos, opreço não foi na essas coisas, água mineral 3,00 água de coco 4,00, mas no resto super tranquilo praia lindaaaa.
bjus

Mãe Mochileira,Filho Malinha disse...

Oi JULIANA FRIDA,
qual a idade do seu filho?? :)
Acho que o carrinho já esta bom sim,o meu sempre gostou de brincar com esses carrinhos,encher de areia, de água..e também tem uma possibilidade: já que é a primeira vez que ele vai a praia,ele ja vai ter tanta novidade( a agua,a areia,etc) que talvez ele até nem dê tanta bola pra o carrinho,rsrs..
O meu adora tb brincar de bola na praia!! :)
Não esquece de vir aqui depois contar como foi a praia de vcs!! bjs e bom divertimento!! :)

Debby disse...

Oi Aninha
COmo boa baiana, li o que você tão bem escreveu aqui.
E fiquei também triste em constatar esse fato, Salvador realmente está abandonada.
Eu toda vez que vou no pelourinho passo por esse constrangimento devido aos meus cabelos ruivos. :)
E como a Nana disse temos mesmo de verdade vergonha de ver uma cidade tão bonita entregue as baratas.

Pena que não deu tempo de encontrar contigo, te levava contigo em alguns lugares destinados a criançada.

Bjs e até a próxima
Debby :)

Ana do Chá e Viagens disse...

Oi Ana! Tudo bem?
Que legal que vc foi á Salvador e trouxe noticias fresquinhas pra gente, pena que nem todas são notícias boas, mas bem coisa de viajante... sempre uma barbada ou roubada pra contar!
Meus cumpas acabaram de chegar da BAHIA, vou conversar com eles pra ver como foi.

Semana que vem vou pra Natal e fiquei sem contato seu além do Blogger, pode me mandar seu email ou face?
o meu anapstam@brturbo.com.br

Bjão e tudibom!